Sábado, 10h

05/05/2017 às 12:18 | Assessoria CBF

CBF e FPF farão coletiva sobre árbitro de vídeo

Créditos: Fernando Torres / CBF

A CBF e a Federação Pernambucana de Futebol (FPF) vão realizar uma entrevista coletiva para falar sobre a primeira partida com o uso do árbitro de vídeo na história do futebol brasileiro. O contato com a imprensa está previsto para este sábado, 10h, na sede da FPF: Rua Dom Bôsco, 871 - Boa Vista, Recife (PE).

Estão previstas as participações do chefe do Departamento de Arbitragem da CBF e coordenador do projeto do árbitro de vídeo no Brasil, Sérgio Corrêa; do instrutor da Escola Nacional de Arbitragem de Futebol (ENAF) e autor do primeiro projeto para uso do árbitro de vídeo, Manoel Serapião; e do presidente da Federação Pernambucana, Evandro Carvalho.

Como já foi anunciado, o jogo que contará com essa inédita tecnologia será disputado às 16h deste domingo (7), entre Sport e Salgueiro, na Ilha do Retiro (Recife). É o confronto de ida da final do Campeonato Pernambucano 2017 (clique para ver mais).

Protocolo do IFAB

Na coletiva, serão passados outros detalhes do protocolo acertado com o International Football Association Board (IFAB), órgão máximo da arbitragem no futebol mundial. O projeto inovador é brasileiro e foi criado com o apoio da Comissão de Arbitragem da CBF e da ENAF. O árbitro de vídeo não atua em todas as dúvidas que possam surgir em campo. As informações são passadas ao árbitro principal em quatro situações:

- Foi gol / Não foi gol
- Foi pênalti / Não foi pênalti
- Cartão vermelho direto indevido
- Identificação errada do jogador punido

O jogo Sport x Salgueiro é parte dos experimentos práticos do IFAB. A filosofia dos testes não é interferir em 100% dos lances duvidosos, pois isso mudaria o ritmo e anularia emoções essenciais do futebol. O lema é “mínima interferência, máximo benefício”, com atuação da tecnologia em lances que podem mudar, diretamente, o resultado.

Leia mais

Nossos patrocinadores